5 dicas para deixar seu fondue perfeito

É preciso ter atenção à escolha dos ingredientes e ao modo de preparo da receita queridinha do inverno

inverno chegou e com ele, como era de se esperar, as baixas temperaturas também vieram com tudo. E no friozinho que anda fazendo, nada mais gostoso do que preparar uma das receitas mais queridinhas da estação: o fondue

Seja doce ou salgado, é necessário prestar muita atenção no preparo dessa receita para que ela fique no ponto certo. Para isso, é preciso cuidado com todos os detalhes, desde a escolha dos ingredientes até a forma de servir.

Para ajudar na missão, o chef Gustavo Piffer, chef e sócio do Restaurante Indaiá, listou cinco dicas de como fazer fondue. Confira abaixo!

1. O queijo ideal derrete e é muito saboroso: para o fondue de queijo, o ingrediente principal deve derreter facilmente (sem queimar na panela), e ser repleto de sabor, já que a receita original não leva temperos, apenas queijo e vinho branco.

Os mais recomendados para quem procura o sabor original são os queijos emmental, gruyère, gouda, camembert e comté. 

2. Acompanhamentos de qualidade e sem erro: os acompanhamentos podem variar dependendo do gosto pessoal de cada um, mas eles devem sempre ser de alta qualidade e no tamanho e textura corretos.

Esse último passo é fundamental para evitar que, cada vez que você colocar o acompanhamento no molho, ele se desmanche ou caia na panela.

3. Aparelho que não queima: nos Alpes Franceses e na Suíça, a receita costuma ser servida em uma panela especial chamada caquelon. No Brasil, o utensílio é conhecido como aparelho de fondue.

São três peças que compõem o aparelho: uma panela, o suporte e um réchaud, além dos garfos de servir que, geralmente, possuem as pontas coloridas para que cada um possa identificar o seu. As melhores panelas para servir o prato são as esmaltadas, pois distribuem bem o calor, e as de cerâmica com fundo grosso, que evitam que o queijo grude no fundo ou queime facilmente.

Para fritar as carnes e os frutos do mar, aposte em uma chapa de metal. Há também os aparelhos de fondue elétricos, que são mais práticos para controlar a temperatura, mas não entregam o charme dos que têm o réchaud tradicional.

4. Harmonização para realçar o sabor: o vinho é a escolha certeira para harmonizar com a clássica receita. Para o fondue de queijo, recomenda-se o vinho tinto suave ou o branco de versão mais seca.

Para a harmonização com carnes vermelhas, suínas e de frango, a dica é selecionar os vinhos tintos, que possuem taninos que auxiliam na limpeza das papilas gustativas, permitindo sentir ainda mais as notas dos sabores dos alimentos.

Se os acompanhamentos são os frutos do mar, vinhos brancos podem combinar com o prato. E, para fechar com chave de ouro, a sobremesa que leva chocolate harmoniza melhor com vinhos mais doces, como o do Porto.

5. Fondue de chocolate para finalizar em grande estilo: a receita do fondue doce recomenda derreter o chocolate e misturar com o creme de leite. A diferença está na qualidade dos produtos escolhidos e no modo de preparo. Evite produtos com gordura vegetal, o creme de leite deve ser fresco. E atenção redobrada nas medidas dos ingredientes para que a receita não fique pastosa ou líquida.

Dê preferência ao chocolate amargo para que a refeição fique menos enjoativa. Nos acompanhamentos, acrescente bombons, marshmallow, waffers e frutas, sem esquecer que elas devem ser bem higienizadas e secas, para que não soltem água no chocolate. 

casavogue

Anúncios
Publicado em Culinária, Dicas | Marcado com , , , , , , , , , , , , , , , | 22 Comentários

Saiba como alcançar a nossa autonomia emocional

Uma das nossas maiores conquistas a nível pessoal é alcançar em algum momento da vida uma total autonomia emocional. É nesse momento que assumimos a total responsabilidade sobre nós mesmos sem dependências tóxicas, sem depender de qualquer pessoa para lutar com dignidade e equilíbrio e alcançar tudo o que desejamos e merecemos.

Não é fácil. A autonomia emocional é uma aspiração de crescimento pessoal que nem todos conseguem alcançar. Essa autonomia, definida como a capacidade de tomar decisões de acordo com sua própria vontade, tem muitos obstáculos, muros altos, e um exército de inimigos endurecidos pela batalha. A pressões externas e os nossos sabotadores internos restringem este objetivo o tempo todo.

Essa construção psicológica organiza, na verdade, muitas dinâmicas diárias que podem ser mais ou menos familiares. Cada pai, cada mãe, por exemplo, tenta desenvolver nos seus filhos uma autonomia emocional adequada. Um “saber fazer” com o qual eles podem se sentir muito mais competentes no momento de pensar, sentir e identificar os seus objetivos, assumindo as consequências dos mesmos.

Devemos começar a refletir sobre o fato de que as pessoas que não conseguem se controlar são aquelas que mais exercem domínio sobre os outros. Essas pessoas não têm maturidade emocional e precisam controlar as pessoas que amam para reforçar a sua autoestima e validar o seu poder.

Como observamos no início, é muito complexo sair destas dinâmicas. Na maioria das vezes, existe uma âncora enterrada que nos mantém presos na dependência por certas figuras de autoridade, como os pais, as mães, os parceiros, etc. As redes de controle e dominação são as mais delicadas e as mais resistentes, porque se alimentam de um amor tempestuoso: esse amor que nos tira o ar, a vida, a luz.

A vida, por si mesma, nem sempre nos permite desfrutar de uma autonomia pessoal total e absoluta. No entanto, o que temos a nosso favor é a capacidade de decidir; onde a autonomia emocional atinge sua relevância máxima. No momento em que nós conseguimos desenvolver uma clareza mental adequada para recuperar a voz e a dignidade, seremos capazes de dizer o que queremos, quando queremos, o que não queremos e quem não queremos em nossas vidas.

Precisamos aprender a viver com as nossas próprias referências de poder.

Como alcançar a nossa autonomia emocional

Vivermos como estrategistas em autonomia emocional implica dominar tudo o que definimos como autossuficiência. Construa uma identidade forte para garantir a sua integridade, para tomar decisões e se responsabilizar pelas consequências dos seus atos. Mantenha uma atitude positiva perante a vida e faça dela uma viagem muito especial. Uma viagem para dentro de nós mesmos para nos conscientizarmos de todos os nossos aspectos, sejam positivos ou negativos.

“Quem olha para fora sonha, quem olha para dentro, desperta.”
 – Carl Gustav Jung –

Nós propomos começar esta viagem através dos seguintes passos:

As bases da autossuficiência

Se alguém escolhe as coisas para você, você não se sente capaz. Se alguém resolve os seus problemas, se você espera que o outro aprove as suas ideias, que lhe deem permissão, ou indiquem aonde deve ir ou não, você nunca desenvolverá uma autossuficiência adequada. Mesmo que duvide, hesite, tenha medo ou não se sinta capaz, faça e decida agir por si mesmo.

Um dos maiores inimigos da independência emocional é certamente a “autonomia comprometida”. São essas situações complexas construídas especialmente entre casais, onde ambos vivem em um autoengano muito destrutivo.

Podemos dizer “faça o que você quiser”, “decida o que você precisa”, “o que você disser está bem”, “saia hoje à noite com os seus amigos, se você quiser”, quando na verdade, esperamos justamente o oposto. Na verdade, são mandatos implícitos que precisamos saber gerenciar para que a autonomia emocional seja autêntica e completa nesse relacionamento.

A autonomia emocional também determina que nenhuma pessoa tem o direito de decidir por nós o que podemos fazer ou ter. “Você está bem onde está”, “Isso é bom para você, isso é o que o faz feliz e não essas bobagens que passam pela sua cabeça”.

Outro aspecto sobre o qual precisamos refletir é que muitos de nós sabemos muito bem quais são os componentes que formam a autonomia emocional: sabemos o que é a autoestima, a assertividade, a resiliência… No entanto, apesar disso, nos deparamos com múltiplos bloqueios emocionais.

Talvez devêssemos levar em conta o conselho que Erich Fromm nos deixou: “Atreva-se a ser livre”. Porque na maioria das vezes, só é necessário ousar, dar um passo adiante para nos transformamos no que realmente queremos.

amenteemaravilhosa

Anúncios
Publicado em Comportamento | Marcado com , , , , , , , , , , , , , , , | 21 Comentários

Saiba como a inteligência artificial ajudou no combate à pandemia

Soluções com inteligência artificial facilitam o acesso à informação, contribuem no diagnóstico e gestão hospitalar durante a crise da Covid-19

A inteligência artificial é uma tecnologia que visa reproduzir a capacidade de raciocínio humana, de forma a entender, avaliar e tomar decisões com base nos dados de entrada.

Por muitos anos, a ideia da inteligência artificial era restrita à ficção científica, no entanto a tecnologia já está no dia a dia e não apenas como assistentes virtuais, como a Siri ou o Google.

As tecnologias que se valem da inteligência artificial (IA) já são usadas no setor financeiro, na educação, no atendimento ao cliente e, também, na área da saúde, onde contribuíram diretamente no combate à pandemia da Covid-19.

Para que as soluções de inteligência artificial funcionem é necessário, basicamente, dados de entrada armazenados em bancos de dados que permitam que o aplicativo identifique tendências ou padrões. A partir disso é possível identificar fenômenos que se repetem e as exceções.

TeleSUS

O TeleSUS é um aplicativo desenvolvido pelo Ministério da Saúde que fornece um serviço de atendimento em saúde pré-clínico para contribuir no enfrentamento à Covid-19.

O paciente pode usar o chatbot, unidade de reconhecimento audível e outros meios para relatar seus sintomas. 

A inteligência artificial analisa as entradas e indica ao usuário se ele deve ficar em isolamento domiciliar ou buscar ajuda médica especializada, inclusive considerando o relato de comorbidades e maiores chances de agravamento do quadro.

O objetivo do TeleSUS é reduzir o deslocamento às unidades de saúde, evitando que o sistema de saúde fique sobrecarregado com os atendimentos presenciais.

Hyro

Outra solução que utiliza inteligência artificial para agregar no combate à pandemia é o aplicativo Hyro, que se trata de um assistente virtual gratuito utilizado em instituições de saúde nos Estados Unidos.

A solução contribui no esclarecimento de dúvidas e chamados sobre a Covid-19, reduzindo a sobrecarga dos centros médicos e profissionais que já estão atuando no limite das capacidades.

Entre as funcionalidades da solução está responder perguntas frequentes sobre a Covid-19 e orientar as pessoas que entram em contato com base em informações confiáveis da Organização Mundial da Saúde (OMS) e do Centro de Controle de Prevenção de Doenças dos EUA.

Vocalis Health

O aplicativo Vocalis Health é outra inovação com foco no diagnóstico da Covid-19. A inteligência artificial da solução foi treinada para identificar se o paciente está com a doença a partir da voz.

Para isso, o algoritmo acessa seu banco de dados com milhares de entradas que permitem diferenciar a voz de pessoas saudáveis daquelas contaminadas pelo novo coronavírus.

Atualmente, a acurácia do aplicativo fica em torno de 80%, de forma que seu uso possa contribuir diretamente na identificação precoce dos casos e promover o isolamento das pessoas que testaram positivo.

DGR Brasil Inteligência Artificial

O aplicativo da DGR Brasil Inteligência Artificial foi desenvolvido com foco nas demandas de gestores de saúde com o objetivo de contribuir na administração dos leitos hospitalares.

A aplicação considera inicialmente a taxa de ocupação de leitos e estima a liberação de leitos a partir de variáveis como perfil de utilização, tempo médio de permanência, previsão de alta, entre outros indicadores.

Por meio da solução, a logística hospitalar pode ser simplificada, garantindo atendimento aos pacientes e também eficiência nos processos.

Softwares para radiologia

A radiologia é essencial ao atendimento médico e, nos casos de Covid-19, tem contribuído, por meio das tomografias pulmonares, para avaliar o comprometimento pulmonar dos pacientes.

Nesse cenário, destacam-se softwares inteligentes capazes de identificar alterações sutis em exames e enviar um alerta ao radiologista de que há alterações a serem laudadas.

O software de voz para laudo é uma inteligência artificial que permitiu agilizar a etapa de emissão dos laudos radiológicos através do reconhecimento de voz, consistindo em um importante aliado dos radiologistas para organização e produtividade do trabalho.

Os algoritmos são capazes de identificar padrões de fala e escrita do profissional, minimizando erros e promovendo maior velocidade e assertividade dos laudos.

Isso promoveu um avanço importante para o período, ampliando a capacidade de atendimento, a produtividade, o acesso aos serviços médicos especializados e evitou, consequentemente, a demora e a aglomeração em unidades de saúde.

Por Gabriel Almeida 

Anúncios
Publicado em covid-19, Dicas | Marcado com , , , , , , , , , , , , | 15 Comentários

5 ideias para iniciar seu dia com um café da manhã criativo e nutritivo

O café da manhã é uma das refeições mais importantes de todas. Após um longo período de sono e descanso, é nessa hora que reabastecemos as energias para enfrentar os compromissos ao longo do dia.

Porém, nem sempre é fácil fugir do clássico café com leite acompanhado do pãozinho francês e incrementar o desjejum. Criar um cardápio de café da manhã saudável e substancioso exige uma boa dose de criatividade e disposição.

Então, separe já a listinha do supermercado e anote os ingredientes que você vai precisar para preparar estas 5 dicas de café da manhã criativo e nutritivo:

1 – Panqueca de aveia

A aveia possui diversas propriedades que fazem muito bem à saúde, além de ajudar no funcionamento do intestino devido à grande quantidade de fibras1. Por isso, ela é um alimento completo para a primeira refeição do dia.

A dica é preparar uma deliciosa e nutritiva panqueca de aveia, adicionando leite, ovo, banana, óleo de coco e fermento químico.

Além de ser criativa, essa receita oferece saciedade e a energia necessária para você se manter ativo e disposto até a próxima refeição.

2 – Torrada de abacate

Queridinho dos brasileiros, o pão francês recheado com manteiga, presunto e queijo dá lugar ao pão integral acompanhado de ovo e abacate nesta receita clássica dos Estados Unidos que já ganhou adeptos no mundo todo.

Mais do que apenas uma fruta consumida in natura, o abacate vem ganhando espaço na culinária de vários países (incluindo o Brasil) por conta de suas excelentes qualidades nutricionais. Ele é presença garantida no cardápio de café da manhã de diversas cafeterias e hotéis.

O artigo “Composição química e atividade antioxidante da polpa e resíduos de abacate”2, publicado na Revista Brasileira de Fruticultura, destaca a “grande quantidade de vitaminas, minerais, proteínas e fibras, além do elevado teor de lipídios que confere destaque ao fruto como auxiliar na prevenção de doenças cardiovasculares”.

3 – Crepioca de banana

Outra ótima ideia para iniciar o dia com um café da manhã criativo e nutritivo é a crepioca de banana picada. Ainda mais fácil de preparar do que a panqueca, ela leva goma de tapioca, que ajuda a manter a liga da receita.

Como complemento final, adicionamos a canela em pó, que confere aquele toque saboroso ao prato. A crepioca de banana fica pronta em poucos minutos, oferecendo a praticidade e os nutrientes necessários para o começo do seu dia.

4 – Ovos mexidos

Famosos nas cenas de café da manhã dos filmes americanos, os ovos mexidos são uma opção acessível para preparar um café da manhã criativo e nutritivo.

Embora já tenha sido considerado “vilão” da alimentação saudável, o ovo é um alimento muito rico em nutrientes3. Mesmo os altos índices de colesterol presentes no alimento podem trazer benefícios ao organismo, se consumido em quantidades adequadas. 

Portanto, você pode sim incluir os ovos no seu cardápio de café da manhã saudável e ainda manter a saciedade por mais tempo. A dica é mexê-los com temperos diversos para criar um prato colorido e saboroso!

5 – Mingau com cereais

Cereais integrais são grandes fontes de fibras, vitaminas e minerais4, nutrientes imprescindíveis para regular nosso intestino e manter nossa saúde, além de proporcionar saciedade e energia.

Incluem-se nesse grupo a aveia, a quinoa, o centeio e a granola (entre outros) — grãos que se encaixam perfeitamente em várias ideias de café da manhã criativos e nutritivos.

Uma opção prática é jogar cereais integrais in natura sobre uma tigela de iogurte e frutas pela manhã. Já no inverno, você pode se deliciar com um delicioso mingau acompanhado de cereais, a mistura perfeita entre nutrientes, sabor e aconchego.

Pitaco: Agora você tem ideias para fugir da mesmice e preparar um cardápio de café da manhã nutritivo, saudável e muito saboroso. Aproveite as dicas e bom apetite!

Referências

(1) Composição e propriedades fisiológicas e funcionais da aveia. Disponível em: https://fjh.fag.edu.br/index.php/fjh/article/view/86

(2) Composição química e atividade antioxidante da polpa e resíduos de abacate “hass”. Disponível em: https://www.scielo.br/j/rbf/a/xYxHYqHDVwKYjcpWDBhbfJS/?format=pdf&lang=pt

(3) Ovo: Conceitos, análises e controvérsias na saúde humana. Disponível em: http://ve.scielo.org/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0004-06222006000400001

(4) Alimentos integrais. Disponível em: http://files.bvs.br/upload/S/1413-9979/2013/v18n2/a3607.pdf

Imagens: pixabay

Anúncios
Publicado em Culinária, Dicas | Marcado com , , , , , , , , , , , , , , | 24 Comentários

8 utilidades do papel toalha que vão facilitar a sua vida

Vamos lá: para que serve o papel toalha? É bem possível que você pense logo na sua função de embalar ou de tirar rapidamente uma sujeira líquida causada por um pequeno acidente, como um sorvete que derreteu ou um suco que respingou – afinal, ela possui um grande poder de absorção. Mas você sabia que o papel toalha pode ser um grande aliado das tarefas domésticas e facilitar inclusive o seu trabalho de cozinhar com mais eficiência e manter a casa em ordem? Veja 8 utilidades que ele possui e você provavelmente não fazia a menor ideia:

1. Deixar a bebida gelada mais rápido

Ok, essa dica não está exatamente relacionada ao ato de cozinhar ou à limpeza, mas nem por isso deixa de ser uma mão na roda. Sabe aquela vontade de tomar uma bebida bem gelada, mas a latinha está quente porque você acabou de comprar? Então saiba que esse problema ficou no passado, porque o papel toalha chega como um grande aliado para essas situações. Para isso basta enrolar ele na latinha ou na garrafa e depois molhar. Aí é só botar no congelador e pronto! Em alguns minutos o líquido já vai estar geladinho, do jeito que o brasileiro gosta.

2. Coador de café

Você chega em casa com aquela vontade de tomar um cafezinho e relaxar, quando percebe que o coador acabou. Fim do mundo? Nada disso! A solução é usar o papel toalha mesmo. Para isso é só colocar algumas de suas folhas em cima de uma peneira e coar o café normalmente. Acredite: esse é uma gambiarra que realmente dá certo.

3. Aumentar a durabilidade de algumas hortaliças

Sabe quando você compra um alimento folhoso, não usa tudo na cozinha e depois fica com muita dó de jogar o resto fora porque sabe que vai estragar? Bem, o papel toalha é um bom aliado para quem quer que esse tipo de comida dure mais tempo! É só enrolar as hortaliças no papel e guardar o conteúdo na geladeira. Lembrando que isso apenas evita que as folhas estraguem rápido, mas se você não as usar elas vão apodrecer de qualquer maneira.

4. Tirar os fiapos do milho

Quem gosta de milho sabe que o único ponto negativo em comer sua espiga é ter que se livrar os fiapos chatos que ficam praticamente grudados no alimento. Afinal, basta uma mordida para correr o risco de ter esses fios presos nos dentes de uma forma bem irritante. Mas você sabia que é possível acabar com esse problema? É só molhar o papel toalha e esfregar ele bem na espiga. Você vai perceber que o fiapo indesejado vai ficar preso na folha, o que acaba com qualquer desconforto futuro.

5. Dar o toque final na limpeza dos vidros

Talvez você já tenha escutado aquela velha história que jornal é bom para limpar vidros. Bem, na verdade ele pode mais atrapalhar do que ajudar, já que possui tinta, mas o mesmo não se aplica ao papel toalha. Aqui a ideia não é simplesmente passar o item na janela que o problema está resolvido, já que é preciso sim lavar tudo normalmente com um pano. Só que, no final da faxina, é comum que alguns fios desse tecido fiquem grudados. Aí sim você usa o papel toalha, que vai tirar esses fiapos indesejáveis dos vidros da sua casa. A dica vale para para outros tipos de materiais que podem estar com algum fiozinho indesejado e que você quer tirar.

6. Desempedrar açúcar

O açúcar, especialmente o mascavo e o demerara, costumam empedrar por causa da umidade. Para desfazer esses torrões você precisa apenas cobrir o pote de açúcar com uma folha de papel toalha. A umidade presente no açúcar será absorvida pelo papel e os torrões vão se soltar. Fácil assim!

7. Fritar bacon

Quer fritar bacon bem rápido, sem fazer sujeira e ainda deixá-lo sequinho? Então a dica é usar papel toalha. Forre um prato com uma folha do papel e coloque as fatias de bacon. Em seguida, cubra com mais uma folha e leve o prato ao micro-ondas. O bacon vai fritar, ficar crocante e tudo isso sem espirrar gordura.

8. Congelar pão

Se você tem hábito de congelar pão, preste atenção nessa dica! Embrulhe o pão em folhas de papel toalha, assim, quando descongelar, a umidade vai direto para o papel ao invés de ir para o pão.

Anúncios
Publicado em Dicas, Utilidade | Marcado com , , , , , , , , , , , , , | 29 Comentários