5 erros comuns na hora de consumir chá

Seja para esquentar o corpo, emagrecer, cuidar da saúde ou simplesmente saborear uma bebida quentinha, o chá é sempre uma boa opção.

Mas engana-se quem pensa que o preparo da infusão é simples, porque, na verdade, se consumida ou armazenada de maneira errada, além não trazer nenhum benefício para a saúde, ainda é possível que uma simples xícara carregue uma leva de bactérias desencadeadoras de doenças.

Quem faz o alerta é o farmacêutico homeopata Jamar Tejada, que deixa algumas regrinhas básicas aproveitar os benefícios das ervas.

Temperatura da água

Essa parte tão simples requer um cuidado especial. A água não deve ser aquecida no micro-ondas, porque é importante conseguir controlar a temperatura dela, já que uma das recomendações é NÃO deixá-la ferver. É preciso deixar no fogo até que ela chegue perto do ponto de ebulição e quando as primeiras bolinhas começarem a surgir, antes de borbulhar, já é hora de tirar.

Saber conservar

O armazenamento correto é o que vai assegurar o frescor, aroma, paladar e garantir todos os benefícios.

Cada erva possui características específicas, por isso não é possível estabelecer um período de validade para os chás, mas depois de feito, nenhum deles deve ser consumido depois de 12 horas e neste período devem ficar armazenados em recipiente de vidro e com tampa. “Isso, porque as bebidas tendem a perder as propriedades medicinais através do processo de fermentação causado pelo ar. Sendo assim, quanto menos ar o recipiente possuir, melhor. E sempre: guardá-los dentro da geladeira, caso contrário, as chances de ingerir bactérias são bem maiores do que as chances de conseguir colher os benefícios dos chás”, fala Tejard.

Não exagere

Para tudo existe limite e com os chás não deve ser diferente. As ervas também podem fazer mal se consumidas fora de controle, você sabia? Algumas podem, inclusive, desencadear doenças e para saber a quantidade certa, é preciso consultar um especialista.

Exagerar na hora de preparar o chá e deixá-lo muito forte também pode causar problemas. Seja qual for a erva e o objetivo escolhido, o consumo do chá não deve ultrapassar a dose de três xícaras por dia. Afinal, tudo o que ingerimos, necessariamente precisa ser metabolizado e eliminado pelo fígado e rins. Se consumido em excesso, o fígado pode não ter condições de eliminar totalmente as toxinas, levando à sobrecarga e intoxicação do organismo.

Não compre pronto

Sempre a preferência deve ser ao chá caseiro, pela confiança em relação à origem dos ingredientes. As versões de saquinho, por exemplo, não têm a mesma qualidade de uma erva cultivada no seu jardim.

Saber escolher bem as ervas

O poder das plantas medicinais que os chás proporcionam é graças à extração do princípio ativo que se dissolve na água quente e assim, pode aliviar, tratar e até curar algumas doenças. Sejam folhas, raízes ou ervas, os ingredientes naturais possuem ações antioxidantes, anti-inflamatória e antibacteriana e ainda auxiliam no processo metabólico, mas existem algumas contraindicações para algumas pessoas – por isso devem ser consumidos com orientação.

Para ajudar, veja algumas dicas de chás e para que cada um deles pode ser usado.

Alecrim: Alivio de estresse, depressão, gota, reumatismo e facilita a digestão

Boldo: Trata fígado e aparelho digestivo. Alivio para aqueles dias pós comilança e ingestão de álcool.

Erva Cidreira: Combate a insônia, nervosismo, cólicas e gases.

Erva Doce: Alivia cólicas menstruais e abdominais.

Eucalipto: Melhora das inflamações das vias respiratórias como tosse, rouquidão, bronquite e asma.

Hortelã: Atenua azia.

Maçã: Sedativo e digestivo ainda atua no controle de diarreias.

Maracujá: Dores de cabeça de origem nervosa, ansiedade, palpitações e perturbações nervosas da menopausa.

Chá verde: Antioxidante, atrasa os sinais do envelhecimento prematuro, eliminando os líquidos que se acumulam no organismo e combate as gorduras.

Chá preto: Promove saciedade além de ser estimulante.

Chá mate: Tem ação termogênica e acelera o metabolismo.

Chá de hibisco: Ajuda no controle do colesterol e é muito diurético, capaz de fazer uma varredura de toxinas no organismo.

Pitaco: Se o chá for à base de raízes, ou qualquer tipo de “erva” mais dura”, é necessário cozinhar. A canela, por exemplo, precisa ficar em água fervente durante 15 minutos para que ela libere o sabor, além de mais 10 minutos fora do fogo, descansando. Este método é denominado decocção.

ATENÇÃO: Nosso conteúdo é apenas de caráter informativo. Todo procedimento deve ser acompanhado por um médico.

Anúncios

Sobre Pitacos e Achados

Olá! Aqui você encontra dicas e pitacos para o seu dia a dia. Muitas novidades sobre moda, beleza, atualidades, comportamento, utilidades, entre outras. Aproveite!
Esse post foi publicado em Dicas, Saúde e marcado , , , , , , , , , , , , , , . Guardar link permanente.

18 respostas para 5 erros comuns na hora de consumir chá

  1. Pingback: 5 erros comuns na hora de consumir chá – CURIOSIDADES NA INTERNET

  2. Juju Bela disse:

    Concordo. Um preparo ruim dá um chá ruim.

    Curtir

  3. Juju Bela disse:

    Republicou isso em Juju Bela .

    Curtido por 1 pessoa

  4. O bom preparo de um chá faz toda a diferença.

    Curtir

  5. Republicou isso em .

    Curtido por 1 pessoa

  6. De uma coisa eu não sabia que não pode fazer o chá no micro-ondas, pois eu errei sempre, faço pra minha mãe usando uma caneca com água e deixo durante 5 minutos ERRADO NE? no micro-ondas. Agora só vou fazer no fogo. Minha mãe tem 83 anos e gosta muito de tomar chá, mais acho que eu tô exagerando fazendo sempre quando ela pede?

    Curtir

  7. lunas1009 disse:

    Não fico sem os meus chás diariamente.

    Curtir

  8. candi1009 disse:

    Boas dicas.

    Curtir

  9. candi1009 disse:

    Nossa, fazia errado.

    Curtido por 1 pessoa

  10. barbara1009 disse:

    Adoro chás!

    Curtir

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Saiba como seus dados em comentários são processados.