Problemas resultantes do excesso de vitaminas

As vitaminas são muito utilizadas por aqueles que desejam equilibrar a alimentação em busca da boa saúde. Mas é importante se atentar em ingeri-las na quantidade correta.

Os suplementos, na maior parte das vezes, são receitados por médicos para pessoas que possuem alguma deficiência de determinada vitamina no seu organismo. Porém, a maioria das pessoas estão buscando fontes naturais, focando na ingestão de frutas, legumes, entre outros.

E para não ter problemas resultantes do excesso de vitaminas, é importante seguir a orientação de um especialista. Com o intuito de cuidar melhor da ingestão de alimentos, selecionamos aqui alguns desses principais problemas. Confira!

Cuidado com o excesso de vitaminas

Muitas pessoas não sabem, mas há um certo risco de ingerir determinas vitaminas, e quantidades elevadas. Isso se forem tomadas de forma irregular ou sem a orientação de um médico.

Portanto, neste artigo iremos apontar alguns problemas que são resultantes do excesso de vitaminas. Fique atento!

1. Hipervitaminose A

O termo hipervitaminose está relacionado diretamente com a excessiva ingestão de vitaminas. Esse excesso é classificado de acordo com cada vitamina. A primeira a ser abordada será a A.

Existem três formas de manifestar os sintomas da hipervitaminose A. A primeira delas é o embaçamento da visão, perda de pelos, perda de apetite e fraturas ósseas fazem parte das manifestações agudas.

Outra forma é a crônica, podendo vir a se tornar doença óssea e outras determinadas fraturas.

2. Hipervitaminose B

A ingestão excessiva da vitamina B se trata de reações alérgicas, convulsões e podendo até vir a ter óbito por paralisia respiratória.

3. Hipervitaminose C

O consumo exagerado da vitamina C pode vir a resultar em cólicas, dor abdominal e diarreias, por ela ser absorvida no intestino. Estudos também demonstram que a hipervitaminose C pode causar o aparecimento de pedras no rim e cálculos renais.

Na grande parte dos casos ingerir cápsulas de vitamina C não é necessário, pois ela já está presente nos alimentos bases que nós consumimos em uma quantidade suficiente. Porém, se ainda assim for necessário a suplementação, o que pode ser recomendado pelo especialista é de 75 mg para mulheres e 90 mg para homens. Lembrando da importância de se consultar com um especialista.

4. Hipervitaminose D

A vitamina D é fundamental para a regulação de cálcio no organismo. Porém, o seu consumo excessivo pode trazer graves riscos à saúde.

De acordo com a SBEM-SP (Sociedade Brasileira de Endocrinologia e Metabologia Regional) a hipervitaminose D pode resultar em calculose renal e perda da função renal, além da perda óssea.

Ainda de acordo com a SBEM, o consumo máximo de suplementação da vitamina D é de 20 ng/Ml. Já para pessoas deficientes, esse valor é um pouco maior, sendo de 30 e 60 ng/Ml.

5. Hipervitaminose K

Se comparada com as outras hipervitaminoses, a da vitamina K é a menos comum de acontecer, porém não impossível. Sua suplementação excessiva pode vir a causar alguns sintomas como anemia e doenças hepáticas.  Em crianças pode ser que cause algum tipo de dano cerebral.

O importante é que, para o consumo de qualquer vitamina, o ideal é ter a indicação de um especialista, tanto para aqueles que têm alguma deficiência, quanto para aqueles que querem agregar à sua rotina alimentar.

Considere marcar uma consulta com um nutricionista ou outros profissionais especializados, conforme as coberturas do plano de saúde oferecer. Se houver a necessidade, não deixe de agendar consulta particular, mas caso não seja possível, converse com seu clínico geral. Só não faça uso de suplementos alimentares sem indicação, a fim de evitar o excesso de vitaminas.

Então, perceberam quantos problemas podem vir a ocorrer com o consumo exagerado de vitaminas?

Por: Andreia Silveira, editora no site PlanodeSaude.net.

Anúncios

Sobre Pitacos e Achados

Olá! Aqui você encontra dicas e pitacos para o seu dia a dia. Muitas novidades sobre moda, beleza, atualidades, comportamento, utilidades, entre outras. Aproveite!
Esse post foi publicado em Dicas, Saúde e marcado , , , , , , , , , , , . Guardar link permanente.

22 respostas para Problemas resultantes do excesso de vitaminas

  1. Super Mulher disse:

    Interessante mesmo.

    Curtido por 1 pessoa

  2. Sempre Zem! disse:

    Adorei.

    Curtido por 1 pessoa

  3. Jay disse:

    Como dizem os antigos, a diferença entre o remédio e o veneno é a dose! Beijos!

    Curtido por 1 pessoa

  4. Nada pode ser em excesso.

    Curtido por 1 pessoa

  5. Saltibum disse:

    É perigoso mesmo.

    Curtido por 1 pessoa

  6. Sempre Alerta disse:

    Nada em exagero.

    Curtido por 1 pessoa

  7. É sério mesmo o uso abusivo.

    Curtido por 1 pessoa

  8. Bem esclarecedor.

    Curtido por 1 pessoa

  9. Darlene R. disse:

    Interessantes as informações. Confesso que tomo suplementação “por conta própria”, mas não regularmente, apenas quando sei que ficarei com alimentação deficiente por algum período (por exemplo: Viagens longas) pois como sou vegetariana tenho dificuldade em encontrar alimentação em lugares improvisados (acampamentos por exemplo). Fora isso, costumo fazer alguns exames básicos regularmente.
    Abraços!

    Curtido por 1 pessoa

  10. fulvialuna1 disse:

    Vanno ponderate possono essere un grande aiuto ma anche creare problemi seri.

    Curtido por 1 pessoa

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Saiba como seus dados em comentários são processados.