Síndrome do Impositor – Faça o teste e aprenda a identificar

Olá pessoal!!

Você vive inseguro sobre o seu potencial? Fez várias especializações e mesmo assim não se sente capacitado como seus colegas de trabalho? Constantemente acredita que falta algo, que você não é bom o suficiente e na verdade o seu maior medo é que descubram que você é uma fraude?

Se, apesar de todas as suas conquistas, você se sente assim, cuidado! Você pode estar lidando com a Síndrome do Impostor, nome dado para a autocobrança excessiva, que prejudica milhares de profissionais ao redor do mundo.

A Síndrome do Impositor é uma desordem psicológica que faz com que o profissional, embora qualificado e capacitado, se sinta sempre em situação inferior aos colegas. Para quem o sofre, sempre falta algo que o faça igualar-se aos demais. A pessoa, embora bem sucedida e de sucesso, acredita que não está a altura do reconhecimento e da posição a que chegou, temendo que, a qualquer tempo, seja descoberto que ela é uma fraude.

É muito comum a jovens em início de carreira, especialmente se suas habilidades são testadas de modo recorrente. São pessoas que internalizam críticas e potencializam as suas falhas, tornando-se, assim, excessivamente inseguras.

Pessoas que sofrem síndrome do impostor geralmente apresentam 3 ou mais dos seguintes comportamentos:

1. Necessidade de se esforçar demais

A pessoa com síndrome do impostor acredita que precisa se esforçar em excesso, muito mais que as outras pessoas, para justificar as suas conquistas e por achar que sabe menos que os outros. O perfeccionismo e o excesso de trabalho são utilizados para ajudar a justificar o desempenho, mas causa muita ansiedade e esgotamento.

2. Auto-sabotagem

Pessoas com esta síndrome acreditam que o fracasso é inevitável, e a qualquer momento alguém experiente irá desmascará-lo na frente dos outros. Assim, mesmo sem perceber, pode preferir se esforçar de menos, evitando gastar energia para algo que acredita que não dará certo e diminuindo as chances de ser julgado por outras pessoas.

3. Adiar tarefas

Estas pessoas podem estar sempre adiando uma tarefa ou deixando compromissos importantes para o último momento, situação chamada de procrastinação. Também é comum levar máximo de tempo para cumprir estas obrigações, e tudo isso é feito com o objetivo de evitar o momento de ser avaliado ou criticado por estas tarefas.

4. Medo de se expor

É comum que as pessoas com a síndrome do impostor estejam sempre fugindo de momentos em que podem ser avaliadas ou criticadas. A escolha de tarefas e profissões são, muitas vezes, baseadas naquelas em que serão menos perceptíveis, evitando ser alvo de avaliações.

5. Comparação com os outros

Ser perfeccionista, exigente consigo mesmo e estar sempre achando que é inferior ou sabe menos que os outros, são algumas das principais características desta síndrome. Pode acontecer de a pessoa achar que nunca é boa o suficiente em relação aos outros, o que gera muita angústia e insatisfação.

6. Querer agradar a todos

Tentar causar boa impressão, se esforçar no carisma e necessidade de agradar a todos, a todo o momento, são formas de tentar alcançar aprovação. A pessoa pode, até, se sujeitar a situações humilhantes.

Além disso, a pessoa com síndrome do impostor passa por períodos de muito estresse e ansiedade, por achar que, a qualquer momento, pessoas mais capacitadas irão substituí-la ou desmascará-la. Assim, é muito comum que essas pessoas desenvolvam sintomas de ansiedade e depressão.

Pitaco: Realizar atividades capazes de aliviar o estresse e a ansiedade, que melhorem a auto-estima e promovam auto-conhecimento, como yoga, meditação e exercícios físicos, além de investir em momentos lazer são muito úteis para o tratamento deste tipo de alteração psicológica.

Anúncios

Sobre Pitacos e Achados

Olá! Aqui você encontra dicas e pitacos para o seu dia a dia. Muitas novidades sobre moda, beleza, atualidades, comportamento, utilidades, entre outras. Aproveite!
Esse post foi publicado em Comportamento e marcado , , , , , , , , , , , , , , , , . Guardar link permanente.

4 respostas para Síndrome do Impositor – Faça o teste e aprenda a identificar

  1. Ricardo Cunha disse:

    Esse post caiu como uma luva. Estou desempregado e o tempo que tenho permanecido nesse estatus tem me afetado de uma forma que eu não havia me colocado antes. Acabei por me identificar com alguns sintomas da lista acima. Será???

    Curtido por 1 pessoa

  2. Juju Bela disse:

    Muito bom saber. Valeu

    Curtido por 1 pessoa

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Saiba como seus dados em comentários são processados.